ANO NOVO

Iniciamos  um  novo  ano,  já  terminou  o mês  de  janeiro  e  começou  fevereiro.  Vivemos  um  ano  de muitos problemas em 2016, mas começamos o novo com esperanças, do ponto de vista econômico tudo está indicando que teremos  uma  safra  agrícola  recorde,  algumas  regiões  e  alguns  agricultores,  por  problemas  pontuais  não  terão  o mesmo  sucesso da maioria, mas no geral  tudo está  indicando que  será um ano de muita  fartura na agricultura. Os irmãos que não têm atividade diretamente  ligada a esta podem estar se questionando no que  isso pode mudar para mim?  Lógico  que  diretamente  nada,  mas  indiretamente  tudo,  pois  maior  produção  agrícola  significa  fartura  de alimentos,  aumentando  volume  do  comércio,  transportes,  etc.  e  toda  cadeia  comercial  aumenta,  poderemos finalmente  sair desse  terrível  ciclo de depressão pelo qual  estamos passando,  lembro  sempre do meu  avô Placídio Francisco dos Passos, que dizia em sua sabedoria matuta: “Quando a colheita é farta, não tem miséria”. 
Por  outro  lado,  embora  ainda  com  um  pouco  de  incredulidade,  estamos  vendo  os  maus  políticos  e empresários desonestos pagarem com a prisão por seus delitos e afrontas praticadas contra a nação o que é coisa rara em nosso passado, somos mundialmente famosos por “varrer a sujeira para baixo do tapete”, e  isso também parece um indicativo de mudança na tendência do nosso poder judiciário. 
Agora o mais importante, precisamos sair do ciclo da falta de escrúpulos no trato com a coisa pública, nós, os brasileiros,  temos que mudar a visão de que o bem público não é de ninguém, e  incorporarmos a cultura de que o bem público é de todos, e todos devemos zelar do bem público melhor do que se fosse somente nosso. Pararmos com as pequenas corrupções de  jogar  lixo em qualquer  lugar, de desrespeitar regras e  leis, de querer  levar vantagem em tudo, etc. Não adianta ficarmos acusando os políticos de corruptos e não fazermos a nossa parte. 
 
Gostaria que cada irmão fizesse sua reflexão sobre: 
1 - O que eu estou fazendo para tornar melhor minha vida, da minha família e da minha Loja?  
2 - Dou o apoio que a diretoria precisa, ou só faço críticas sem apresentar sugestões para ajudar? 
3 - Estou aplicando os ensinamentos que recebo dos Rituais?  
4 - Tenho me aplicado por incentivar minha Loja a praticar beneficência? 
5 - Coopero no sentido de apoiar a Fraternidade entre os irmãos e as famílias? 
Desejo  que  tenhamos  um  ano  tão  produtivo  moral  e  espiritualmente  como  está  sendo  produtiva  nossa agricultura,  que  na  comemoração  dos  195  anos  de GRANDE ORIENTE DO BRASIL  possamos  fazer  a  diferença,  com pensamentos e principalmente com ações de amor, paz, serenidade e sabedoria.


Fraternalmente.

Antônio Francisco dos Passos
Grão Mestre Estadual
Grande Oriente do Brasil Mato Grosso

Endereço: Av. Historiador Rubens de Mendonça,?560? Bairro Morada da Serra CPA I? CEP?8055-000? Cuiab?MT
Fones:?65)?641-0540??65)?997-1788
Not only replica watches uk designs are similar to the originals; even the weight of replica watches are equal to weight of the originals, thus making it more difficult to set them apart from the originals. Therefore, it can be said that just like originals that require quality investment at one time, rolex replica also require one time but a fraction of investment as these watches are less expensive than the originals. So, if you have planned to purchase these replica watches, then search through internet. By making fake breitling search at the internet, you will come across several websites that are providing different kinds of swiss replica watches at affordable rates.